Guia de Tradução

Traduzir a nossa página na internet e apps é uma parte muito importante para tornar o elementary OS disponível para tantas pessoas quanto possível. Em vez de confiar apenas numa equipa de tradução interna, nós usamos crowdsourcing para que qualquer pessoa possa submeter traduções com pouco ou nenhum conhecimento técnico. A fim de manter a nossa voz consistente por toda a plataforma , e para ajudar os novos tradutores a começar, nós fizémos este guia de tradução.

Traduzindo Aplicações

Apps are translated through Weblate: a free web-based translation management system.. In order to submit translations, you should:

Once you’ve selected a project, you can provide suggestions for strings that have not yet been translated, or suggest changes to strings that have already been translated. These suggestions will be evaluated by a translation team member and they will choose the most appropriate one. For a more information about Weblate, you can refer to their documentation.

A meio de uma tradução podes encontrar uma situação onde tens que escolher uma de várias maneiras de dizer a mesma coisa. Nestas situações deves referir-te ao guia geral de tradução do Ubuntu, e para questões específicas de uma língua nós seguimos as linhas mestras da equipa de tradução do Ubuntu. Seguir estas linhas assegura traduções uniformes, permitindo a qualquer pessoa dar o seu contributo.

If you don't want to use Weblate, or want to make a lot a changes at once, you can also translate offline. To do so:

Pode agora pedir um email, que lhe dá a ligação correta para descarregar as instruções. Agora:

Uma vez terminado, use a opção "Enviar tradução" na mesma página onde a descarregou.

Traduzindo a nossa Página de Internet

Our website is also translated through Weblate. In order to submit translations, you should have a Weblate account

For more information about Weblate, you can refer to their documentation.

Tal como nas nossas apps, nós seguimos o guia geral de tradução do Ubunto, e para questões específicas de uma língua seguimos as linhas mestras da equipa de tradução do Ubuntu.